VOGAIS FM
  • Vogais FM

Os próximos dribles do soccer

Não é fácil fazer as pessoas prestarem atenção em alguma coisa aqui nos EUA nessa época do ano que não sejam os playoffs do futebol americano. Ainda mais com um Super Bowl tão cheio de boas histórias, como as de Patrick Mahomes construindo uma carreira histórica e Brock Purdy mostrando uma personalidade impressionante para alguém tão novo. E, claro, Taylor Swift, artista mais popular no país na atualidade e que, desde que começou um relacionamento com Travis Kelce, tem aparecido em todos os jogos do Kansas City Chiefs, time que fará a grande final contra o San Francisco 49ers.

Até o mercado de apostas tem surfado na onda da Taylor Swift no Super Bowl, com apostas que envolvem a artista como: se ela vai ser pedida em casamento, se Kelce irá mencioná-la em um discurso ao final do jogo, se ela fará uma participação especial no Show do Intervalo e até se ela chegará a tempo do Japão para o jogo decisivo em Las Vegas.

Mas quem quer seguir crescendo para ocupar um espaço cada vez maior nesse incrível mundo dos esportes americanos não pode ficar parado esperando o Super Bowl passar. Tentando aproveitar a popularidade conquistada desde o ano passado com a contratação do craque argentino Lionel Messi, o Inter Miami está viajando o mundo. A pré-temporada tem paradas em El Salvador, na Arábia Saudita, na China e no Japão, além de um jogo em Dallas, provável sede da final da Copa do Mundo Fifa de 2026.

E os resultados desse sucesso vão além do clube da Flórida. De acordo com o site Sportico, especializado nos negócios do esporte nos EUA, Messi proporcionou um aumento de 16% no preço médio dos times da Major League Soccer (MLS). Mas o ótimo Joe Pompilano, em sua newsletter Huddle Up, alertou que a MLS precisa de mais do que Messi para dar o salto que tanto sonha. Pela minha experiência aqui, também arrisco dizer que o torcedor de futebol dos EUA prefere o equilíbrio da MLS a uma equipe muito superior às outras dando show e ganhando com facilidade. Isso pode ter feito sentido nos anos 1970 com o New York Cosmos de Pelé, mas agora a cultura do futebol foi consolidada nos moldes das demais ligas esportivas americanas. Os fãs querem ver competição e imprevisibilidade.

Clubes brasileiros têm experimentado um pouco desse crescimento desde 2015, com jogos de pré-temporada em Orlando, um dos principais destinos turísticos para famílias brasileiras e onde muitos brasileiros também moram. O que começou como Florida Cup, com jogos em janeiro, cresceu para se tornar a FC Series, com partidas também no meio do ano, o que fez com que clubes europeus pudessem participar com mais frequência. A principal concorrência vem da Ásia, onde os organizadores de eventos também procuram atrair grandes clubes europeus.

Já estiveram em Orlando alguns dos principais clubes brasileiros, como Palmeiras, Fluminense e Corinthians. Em 2024, o convidado foi o Flamengo para jogos contra o Philadelphia Union e o Orlando City, ambos da MLS. O CEO da FC Series, Ricardo Villar, contou que as partidas fazem parte de um projeto de expansão de marca do clube carioca.

“Quanto a clubes sul-americanos, o que nos motivou a voltar a realizar esse evento em janeiro foi o approach do Flamengo, o seu projeto de internacionalização reiniciado em etapas, começando pela Flórida, que acaba sendo estrategicamente importante porque já possui uma cultura rubro-negra de muitos brasileiros que moram aqui e conseguem transmitir o que é esse sentimento que é o Flamengo. E tudo isso é uma semente plantada, entendendo que, em 2025, tem um Mundial de Clubes, e acreditamos que o Flamengo realmente seja o número um da lista, que transfira o maior número de massas de um continente para o outro para um evento esportivo”, disse.

Villar explicou também que plantar essa semente é fundamental para crescer em solo americano, já que os fãs de futebol no país têm olhos voltados para outro lugar.

“O grande interesse do mercado americano por esses clubes internacionais se resume nos Top 10 do mundo. A partir dali, o apelo passa a ser bem menor. Então, não só receitas anuais de direitos de transmissão em diferentes mercados internacionais, ou venda de camisa, patrocínio e coisas do tipo, mas essas excursões, os tours de pré-temporada que eles fazem pela Ásia e, no caso, aqui nos EUA, onde você tem rendas de estádio entre US$ 8 milhões e US$ 15 milhões, chega a ser US$ 20 milhões ou até mais em certos jogos em cidades específicas e estádios específicos aqui no país. Então, isso todo verão acontecendo, e óbvio que tem outras ligas que acabam investindo em projetos de internacionalização e incentivam outros clubes também a virem pra cá, e eles investem no crescimento da sua marca”, destacou.

O CEO da FC Series tem uma visão privilegiada para esse crescimento do interesse pelo futebol nos EUA, trajetória que ele acompanha desde os tempos de estudante, nos anos 1990.

“Eu cheguei a ser draftado pela MLS no quarto ano da liga, em 2000, e depois voltei pra cá pós-Europa em 2011, e, no começo, não tínhamos nem local de treinamento. Era em escolas, os estádios eram adaptados. Hoje, a liga já tem seu estádio próprio, tem uma torcida engajada em cada cidade que lota seus estádios específicos de futebol. Quando eu vim pra cá, era considerado só um esporte feminino”, recordou-se.

Ricardo Villlar vê no número de praticantes um futuro promissor para o futebol nos EUA.

“Entre todos os jovens que praticam algum esporte aqui, o futebol já é o número um. E isso, de geração a geração, continua a crescer. O conhecimento é maior, o respeito é maior, e o amor é maior pelo esporte. E, enfim, a Copa de 2026 vindo pra cá novamente é mais um grande exemplo do que só tende a crescer”, finalizou.

Sergio Patrick é especializado em comunicação corporativa e escreve mensalmente na Máquina do Esporte

Fonte

Compartilhe:
Facebook
WhatsApp
Twitter
Telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias
Enquete

Qual sua opinião do Governo Lula?

  • Kamala Harris é a nova candidata democrata nas eleições presidenciais dos Estados Unidos.

Siga @sudoeste_ms para ver mais!

(Reprodução: @joebiden )
  • A prefeita Adriane Lopes (PP) vem fazendo um rumoroso carnaval fora de época para proclamar a maior obra de sua gestão: a construção de um hospital por uma empresa privada, que vai alugá-lo ao Município por até R$ 5,1 milhões mensais durante 20 anos. Neste período, a construtora investirá R$ 842,1 milhões e abocanhará um lucro de R$ 392,015 milhões.

Trata-se de um delírio, se a realidade dos fatos for levada em conta. No início deste mês, por absoluta falta de competência e de zelo de Adriane, o Ministério da Saúde tirou da prefeitura de Campo Grande a gestão plena do Hospital Regional e a transferiu para o governo estadual. Com esta medida, a caótica situação da saúde vai piorar, já que os cofres da municipalidade vão perder R$ 4,8 milhões de repasses a cada mês, o que representa, em um ano, R$ 57,6 milhões.

Saiba mais www.sudoestems.com.br
  • Jair Bolsonaro se ofereceu para conversar com chefe da Receita Federal sobre investigação de Flávio Bolsonaro.

“A gente nunca sabe se alguém está gravando alguma coisa. Não estamos procurando favorecimento de ninguém”, afirmou o então Presidente da República que, de fato, era gravado clandestinamente por Alexandre Ramagem.

📹 Reprodução
  • Incêndio de grandes proporções destrói o Shopping Popular; vídeos e fotos impressionam

Um incêndio de grandes proporções destruiu o Shopping Popular, que fica localizado no bairro Dom Aquino, em Cuiabá, na madrugada desta segunda-feira (15), em Cuiabá. Militares do Corpo de Bombeiros estão no local para tentar conter as chamas. Informações preliminares apontam que grande parte da estrutura desabou. Não há informações feridos. 

📹OLHARDIRETO

#shoppingpopular #incendio #bombeiros #cuiaba #olhardireto #fogo
  • O ex-presidente Donald Trump foi retirado às pressas do palco por agentes do Serviço Secreto durante um comício eleitoral em Butler, na Pensilvânia, após vários sons que pareciam tiros. O republicano foi cercado pelos agentes e escoltado para um carro de sua comitiva logo após os disparos, segurando a orelha direita, que parecia estar sangrando. Segundo porta-voz do ex-presidente, Trump “está sendo examinado e está bem”, mas sem fornecer mais detalhes.

No momento dos disparos, que puderam ser ouvidos durante a transmissão ao vivo do evento, Trump interrompeu o discurso e se abaixou rapidamente, levando as mãos ao rosto, enquanto a multidão gritava.

Logo em seguida, as autoridades presentes instruíram o público a se abaixar e a se cobrir, enquanto a imprensa se retirava do palanque onde Trump discursava. Após uma breve pausa, o republicano se levantou, cercado por agentes e com a orelha sangrando, ergueu o punho para a multidão e foi levado às pressas para sua comitiva, que deixou rapidamente o local.

Segundo o jornal americano New York Times, os senadores Marco Rubio e J.D. Vance, junto com o governador Doug Burgum, da Dakota do Norte, que são os nomes mais cotados para o papel de vice de Trump, expressaram orações pelo magnata e pelos participantes do comício nas redes sociais. 🇺🇸
  • Se até a Iza é traída, quem dirá nós 😰

Siga @sudoeste_ms para ver mais! 📌 

(Reprodução: @/iza)
  • Que confusão!😂 🐀 Um rato resolveu fazer uma visita surpresa na casa da estudante de veterinária Nathalye Marques e a confusão foi garantida! 

Nas redes sociais, ela compartilhou a épica tentativa do marido e dos cachorros de capturarem o intruso que invadiu o banheiro.”Utilizamos nossa melhor arma: a Julie”, brincou Nathalye sobre a cachorrinha da família. Quem aí já passou por esse perrengue?

Reprodução: nathyymgonzaga / TKT
  • Em reunião com o  presidente do Partido Liberal (PL) de Mato Grosso do Sul @tenente.portela e o ex-presidente do Brasil, @jairmessiasbolsonaro Rodrigo Basso tem total apoio do partido para seguir sua pré-candidatura à Prefeitura Municipal de Sidrolândia.

Portela autoriza @rodrigobassosidrolandia a fazer alianças que forem necessárias para o pleito eleitoral.
  • A senadora Soraya Thronicke (Podemos) assumirá a liderança da bancada de Mato Grosso do Sul no Congresso Federal. A troca está prevista para o segundo semestre deste ano, após as eleições. Até lá o deputado federal Vander Loubet (PT) segue como coordenador dos deputados federais e senadores sul-mato-grossense.

“Thronicke que estava em agenda no interio do Estado na cidade de Coxim no PROSPERA MS, explicou que o Vander ainda irá acompanhar a destinação das emendas deste ano e ela assume a articulação para o ano que vem.” “Vamos trabalhar para garantir uma emenda volumosa para Mato Grosso do Sul. É muita responsabilidade”, afirmou. A senadora espera repassar R$ 800 milhões para o Estado.

A senadora ainda afirmou que irá acompanhar os projetos e garantiu uma relação saudável com os colegas. “Vou respeitar a decisão da bancada”, completou.

O Estado tem oito deputados federais. Além de Vander, representam MS os deputados Beto Pereira (PSDB), Camila Jara (PT), Dagoberto Nogueira (PSDB), Geraldo Resende (PSDB), Dr. Luiz Ovando (PP), Marcos Pollon (PL) e Rodolfo Nogueira (PL). No Senado, além de Soraya, Mato Grosso do Sul tem Nelsinho Trad (PSD) e Tereza Cristina (PP).

Saiba mais www.sudoestems.com.br
Kamala Harris é a nova candidata democrata nas eleições presidenciais dos Estados Unidos.

Siga @sudoeste_ms para ver mais!

(Reprodução: @joebiden )
Kamala Harris é a nova candidata democrata nas eleições presidenciais dos Estados Unidos.

Siga @sudoeste_ms para ver mais!

(Reprodução: @joebiden )
Kamala Harris é a nova candidata democrata nas eleições presidenciais dos Estados Unidos. Siga @sudoeste_ms para ver mais! (Reprodução: @joebiden )
3 dias ago
View on Instagram |
1/9
A prefeita Adriane Lopes (PP) vem fazendo um rumoroso carnaval fora de época para proclamar a maior obra de sua gestão: a construção de um hospital por uma empresa privada, que vai alugá-lo ao Município por até R$ 5,1 milhões mensais durante 20 anos. Neste período, a construtora investirá R$ 842,1 milhões e abocanhará um lucro de R$ 392,015 milhões.

Trata-se de um delírio, se a realidade dos fatos for levada em conta. No início deste mês, por absoluta falta de competência e de zelo de Adriane, o Ministério da Saúde tirou da prefeitura de Campo Grande a gestão plena do Hospital Regional e a transferiu para o governo estadual. Com esta medida, a caótica situação da saúde vai piorar, já que os cofres da municipalidade vão perder R$ 4,8 milhões de repasses a cada mês, o que representa, em um ano, R$ 57,6 milhões.

Saiba mais www.sudoestems.com.br
A prefeita Adriane Lopes (PP) vem fazendo um rumoroso carnaval fora de época para proclamar a maior obra de sua gestão: a construção de um hospital por uma empresa privada, que vai alugá-lo ao Município por até R$ 5,1 milhões mensais durante 20 anos. Neste período, a construtora investirá R$ 842,1 milhões e abocanhará um lucro de R$ 392,015 milhões. Trata-se de um delírio, se a realidade dos fatos for levada em conta. No início deste mês, por absoluta falta de competência e de zelo de Adriane, o Ministério da Saúde tirou da prefeitura de Campo Grande a gestão plena do Hospital Regional e a transferiu para o governo estadual. Com esta medida, a caótica situação da saúde vai piorar, já que os cofres da municipalidade vão perder R$ 4,8 milhões de repasses a cada mês, o que representa, em um ano, R$ 57,6 milhões. Saiba mais www.sudoestems.com.br
1 semana ago
View on Instagram |
2/9
Jair Bolsonaro se ofereceu para conversar com chefe da Receita Federal sobre investigação de Flávio Bolsonaro. “A gente nunca sabe se alguém está gravando alguma coisa. Não estamos procurando favorecimento de ninguém”, afirmou o então Presidente da República que, de fato, era gravado clandestinamente por Alexandre Ramagem. 📹 Reprodução
1 semana ago
View on Instagram |
3/9
Incêndio de grandes proporções destrói o Shopping Popular; vídeos e fotos impressionam Um incêndio de grandes proporções destruiu o Shopping Popular, que fica localizado no bairro Dom Aquino, em Cuiabá, na madrugada desta segunda-feira (15), em Cuiabá. Militares do Corpo de Bombeiros estão no local para tentar conter as chamas. Informações preliminares apontam que grande parte da estrutura desabou. Não há informações feridos. 📹OLHARDIRETO #shoppingpopular #incendio #bombeiros #cuiaba #olhardireto #fogo
1 semana ago
View on Instagram |
4/9
O ex-presidente Donald Trump foi retirado às pressas do palco por agentes do Serviço Secreto durante um comício eleitoral em Butler, na Pensilvânia, após vários sons que pareciam tiros. O republicano foi cercado pelos agentes e escoltado para um carro de sua comitiva logo após os disparos, segurando a orelha direita, que parecia estar sangrando. Segundo porta-voz do ex-presidente, Trump “está sendo examinado e está bem”, mas sem fornecer mais detalhes. No momento dos disparos, que puderam ser ouvidos durante a transmissão ao vivo do evento, Trump interrompeu o discurso e se abaixou rapidamente, levando as mãos ao rosto, enquanto a multidão gritava. Logo em seguida, as autoridades presentes instruíram o público a se abaixar e a se cobrir, enquanto a imprensa se retirava do palanque onde Trump discursava. Após uma breve pausa, o republicano se levantou, cercado por agentes e com a orelha sangrando, ergueu o punho para a multidão e foi levado às pressas para sua comitiva, que deixou rapidamente o local. Segundo o jornal americano New York Times, os senadores Marco Rubio e J.D. Vance, junto com o governador Doug Burgum, da Dakota do Norte, que são os nomes mais cotados para o papel de vice de Trump, expressaram orações pelo magnata e pelos participantes do comício nas redes sociais. 🇺🇸
2 semanas ago
View on Instagram |
5/9
Se até a Iza é traída, quem dirá nós 😰

Siga @sudoeste_ms para ver mais! 📌 

(Reprodução: @/iza)
Se até a Iza é traída, quem dirá nós 😰 Siga @sudoeste_ms para ver mais! 📌 (Reprodução: @/iza)
2 semanas ago
View on Instagram |
6/9
Que confusão!😂 🐀 Um rato resolveu fazer uma visita surpresa na casa da estudante de veterinária Nathalye Marques e a confusão foi garantida! Nas redes sociais, ela compartilhou a épica tentativa do marido e dos cachorros de capturarem o intruso que invadiu o banheiro.”Utilizamos nossa melhor arma: a Julie”, brincou Nathalye sobre a cachorrinha da família. Quem aí já passou por esse perrengue? Reprodução: nathyymgonzaga / TKT
2 semanas ago
View on Instagram |
7/9
Em reunião com o presidente do Partido Liberal (PL) de Mato Grosso do Sul @tenente.portela e o ex-presidente do Brasil, @jairmessiasbolsonaro Rodrigo Basso tem total apoio do partido para seguir sua pré-candidatura à Prefeitura Municipal de Sidrolândia. Portela autoriza @rodrigobassosidrolandia a fazer alianças que forem necessárias para o pleito eleitoral.
2 semanas ago
View on Instagram |
8/9
A senadora Soraya Thronicke (Podemos) assumirá a liderança da bancada de Mato Grosso do Sul no Congresso Federal. A troca está prevista para o segundo semestre deste ano, após as eleições. Até lá o deputado federal Vander Loubet (PT) segue como coordenador dos deputados federais e senadores sul-mato-grossense.

“Thronicke que estava em agenda no interio do Estado na cidade de Coxim no PROSPERA MS, explicou que o Vander ainda irá acompanhar a destinação das emendas deste ano e ela assume a articulação para o ano que vem.” “Vamos trabalhar para garantir uma emenda volumosa para Mato Grosso do Sul. É muita responsabilidade”, afirmou. A senadora espera repassar R$ 800 milhões para o Estado.

A senadora ainda afirmou que irá acompanhar os projetos e garantiu uma relação saudável com os colegas. “Vou respeitar a decisão da bancada”, completou.

O Estado tem oito deputados federais. Além de Vander, representam MS os deputados Beto Pereira (PSDB), Camila Jara (PT), Dagoberto Nogueira (PSDB), Geraldo Resende (PSDB), Dr. Luiz Ovando (PP), Marcos Pollon (PL) e Rodolfo Nogueira (PL). No Senado, além de Soraya, Mato Grosso do Sul tem Nelsinho Trad (PSD) e Tereza Cristina (PP).

Saiba mais www.sudoestems.com.br
A senadora Soraya Thronicke (Podemos) assumirá a liderança da bancada de Mato Grosso do Sul no Congresso Federal. A troca está prevista para o segundo semestre deste ano, após as eleições. Até lá o deputado federal Vander Loubet (PT) segue como coordenador dos deputados federais e senadores sul-mato-grossense. “Thronicke que estava em agenda no interio do Estado na cidade de Coxim no PROSPERA MS, explicou que o Vander ainda irá acompanhar a destinação das emendas deste ano e ela assume a articulação para o ano que vem.” “Vamos trabalhar para garantir uma emenda volumosa para Mato Grosso do Sul. É muita responsabilidade”, afirmou. A senadora espera repassar R$ 800 milhões para o Estado. A senadora ainda afirmou que irá acompanhar os projetos e garantiu uma relação saudável com os colegas. “Vou respeitar a decisão da bancada”, completou. O Estado tem oito deputados federais. Além de Vander, representam MS os deputados Beto Pereira (PSDB), Camila Jara (PT), Dagoberto Nogueira (PSDB), Geraldo Resende (PSDB), Dr. Luiz Ovando (PP), Marcos Pollon (PL) e Rodolfo Nogueira (PL). No Senado, além de Soraya, Mato Grosso do Sul tem Nelsinho Trad (PSD) e Tereza Cristina (PP). Saiba mais www.sudoestems.com.br
2 semanas ago
View on Instagram |
9/9

Matérias Relacionadas